Água destilada: por que usá-la em equipamentos de estética?

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp
agua destilada equipamento de estetica

Você sabia que equipamentos de estética que possuem algum tipo de sistema de arrefecimento precisam utilizar água destilada ao invés da água comum?

Vamos te explicar o motivo neste post.

Aposto que você já viu essa cena, um carro de luxo parado para abastecer num posto de gasolina sem bandeira e se perguntou: O que essa pessoa está fazendo ali? Obviamente esse carro terá problemas com essa gasolina.

Passados alguns dias aquele carro vai começar a apresentar falhas no motor, perda de força e o consumo do combustível aumentará.

O que isso tem a ver com o seu equipamento de estética e com água destilada? Vamos te contar agora.

Por que usar água destilada em equipamentos de estética?

Alguns equipamentos de estética, como o Asgard Criolipólise, Andrus Criofrequência e o Holonyak, possuem um sistema de arrefecimento para mantê-los resfriados, afinal suas ponteiras contam com sistemas de criogenia.

Assim como em carros de luxo, para garantir o seu pleno funcionamento, você não pode abastecê-los com qualquer água, como a mineral por exemplo.

É preciso ficar de olho nos níveis de água do seu equipamento de acordo com o manual e, assim que for necessário trocar a água da sua plataforma, abasteça-o com água destilada.

O que acontece quando um equipamento não é abastecido com água destilada?

Lembra que o carro de luxo, quando abastecido com gasolina inapropriada, começa a perder força, apresentar falhas no motor e aumento de consumo?

É possível fazer analogias com equipamentos de estética que não são abastecidos com água destilada, veja abaixo as principais consequências.

Oxidação no interior do equipamento

O que é a água destilada? É uma água que passou por um processo de desmineralização, pois os minerais encontrados nela podem causar oxidação no sistema do seu equipamento, impossibilitando a passagem de água pelo aparelho.

Intercorrências

Todo profissional da área de estética tem medo de causar intercorrências em seus pacientes. Você sabia que isso pode acontecer quando não utiliza água destilada no seu equipamento?

Conforme o seu equipamento for oxidando e o fluxo de água diminuindo, isso pode causar superaquecimento nos manípulos aplicadores, ocasionando queimaduras em seus pacientes.

Manutenções Corretivas

De acordo com o manual das tecnologias Adoxy, elas devem passar por manutenções preventivas de acordo com as horas de uso do equipamento ou em um ano de utilização, o que acontecer primeiro. Essas manutenções podem ser agendadas, ou seja, é possível se preparar e não perder agendamentos ou dinheiro.

Quando o profissional não segue as recomendações de uso do fabricante, acontecem as manutenções corretivas, essas não podem ser agendadas, pois não são esperadas, ou seja, resultam em diversos problemas para o seu negócio e para os seus pacientes.

Invista em tecnologias que garantam o sucesso dos seus clientes e a segurança dos seus pacientes.

Para mais conteúdos como esse, acesse o nosso blog.

LEIA MAIS

conheça as vantagens de contar com um aparelho de ultracavitação

O Que é e Para

O aparelho de ultracavitação é um ultrassom de baixa frequência...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba todas as novidades
da Adoxy no seu e-mail