Protocolo para gordura localizada: veja como montar o seu!

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp
protocolo para gordura localizada

Tenho uma pergunta: você hoje está segura de que oferece aos seus pacientes o melhor resultado quando o assunto é combate à gordura localizada? Se você acha que ainda pode potencializar os seus tratamentos, tenho uma informação importante. Os brasileiros já estão de olho no verão e a tendência é que, nos próximos meses, eles procurem cada vez mais as clínicas de estética em busca de resultados rápidos e impactantes para mostrar nas redes sociais. Quando isso acontecer, você estará preparada para recebê-los? Nesse texto, vamos passar informações valiosas para quem deseja montar seu próprio protocolo para gordura localizada.

Construir um plano de tratamento de sucesso, que leve o seu nome, pode ser o que faltava para conquistar reconhecimento no mercado e se diferenciar da concorrência, fidelizando seus pacientes. Vamos entender como isso funciona? Continue na leitura!

Como construir seu próprio protocolo para gordura localizada de sucesso?

O primeiro passo é escolher uma tecnologia capaz de entregar – com segurança – bons resultados ao seu paciente. Neste texto, vamos usar o Asgard Eletrofit, acessório exclusivo da plataforma Asgard Criolipólise, como uma opção para quem deseja aumentar os resultados no combate à gordura localizada.

Ele vai te dar algumas vantagens na hora de montar seu protocolo para gordura localizada. Primeiro, como possuí uma extensa placa de manípulo, existe a possibilidade de tratar uma grande área do paciente em uma única sessão, sem que seja necessário realocar o manípulo para tratar outra área. A consequência disso é um tratamento mais rápido, otimizando o seu tempo e o do cliente. Esse conceito é chamado de Crioexposição.

Importante ressaltar que, pela primeira vez na estética, testes clínicos mostram que a atuação do Asgard Eletrofit ultrapassa a questão da gordura localizada: ele é capaz de promover a perda de calorias durante o tratamento. Desta forma, conseguimos oferecer emagrecimento com uma técnica não invasiva, o que não era possível até então.

Resultados imediatos: o grande diferencial no tratamento da Criolipólise

A Criolipólise convencional alcança resultado final em cerca de três meses, dependendo da técnica realizada. Isso porque ela age através da apoptose, que é a morte programada da célula de gordura, um processo que pode demorar até 90 dias para ser finalizado. Imagine se você chegasse ao mercado com a proposta de oferecer reduções de medidas imediatas na Criolipólise, visíveis logo após a sessão?

Isso é possível porque, além da apoptose, o Asgard Eletrofit também promove a lipólise, que é o esvaziamento das células de gordura. Esse é um trunfo na hora de montar o seu protocolo para gordura localizada e emagrecimento.

Reunimos, abaixo, outras informações que você deve saber!

Eletrocriolipólise: associando o Asgard Eletrofit à Eletroterapia

Você, provavelmente, tem um aparelho de eletroterapia na sua clínica, não é mesmo? Agora, ele pode ser utilizado simultaneamente à Criolipólise através do Asgard Eletrofit. As correntes potencializam os efeitos do tratamento.

Você pode escolher a corrente de sua preferência e modulá-la para efeito de eletrolipólise. Com isso, é possível conquistar resultados diferentes e únicos, construindo o seu próprio protocolo de gordura localizada e emagrecimento. Essa técnica se chama eletrocriolipólise.

+ Leia também: Queimar calorias com a Criolipólise já é uma realidade e você precisa saber disso

Associando o Asgard Eletrofit ao Hybrius

Outro fator que pode ser levado em consideração ao montar o seu protocolo de gordura localizada e emagrecimento são as associações com outras tecnologias. Uma das opções é associar o Asgard Eletrofit ao ultrassom de baixa frequência.

A associação imediata da Ultracavitação do Hybrius ao Asgard Eletrofit consegue impedir a formação de novas células de gordura. Além disso, também previne que as células que foram atingidas no tratamento criem resistência. Tanto a Ultracavitação, quanto o LipoLED do Hybrius conseguem acelerar o processo de apoptose.

Essa união das tecnologias também dá mais força para as reduções de medidas imediatas, proporcionando uma boa diferença logo após as sessões.

Associando o Asgard Eletrofit ao Andrus

A Radiofrequência e a Criofrequência são indicadas para o pós-crio, cerca de 2 a 15 dias após a sessão, dependendo da metodologia. No caso do Andrus Criofrequência, quando usado no modo monopolar, ele vai promover o processo de apoptose das células de gordura.

O Andrus pode ser usado após a sessão com o Asgard Eletrofit para melhorar o contorno e a harmonização corporal, reduzindo áreas que não foram afetadas na Criolipólise. Já no modo bipolar, ele consegue tratar outras afecções estéticas. É possível, por exemplo, melhorar a flacidez, o tônus, a qualidade e nutrição da pele, formando novas fibras de colágeno.

Com essa união entre tecnologias, você consegue montar seu próprio protocolo de gordura localizada e emagrecimento, conquistando destaque nos seus tratamentos. Ainda tem dúvidas sobre o tema? Deixe aqui nos comentários que a Adoxy responde!

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba todas as novidades
da Adoxy no seu e-mail