Mercado de Estética: a história contada pelas mulheres

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp
mulheres no mercado de estética

Você sabe tudo sobre a participação da mulher na história do mercado de estética? 

Hoje em dia você atende muitas mulheres na sua clínica, correto? Apesar dos homens estarem buscando cada vez mais tratamentos, o mercado de estética ainda é ocupado, em sua maioria, por mulheres, sejam elas as profissionais ou as pacientes.

Vamos te contar quais foram os movimentos que tornaram esse cenário possível e quem são as mulheres que inventaram e revolucionaram o mercado de estética.

A mulher no mercado de trabalho

A mulher ingressa no mercado de trabalho entre a I e a II Guerra Mundial, pois enquanto seu marido estava no campo de batalha ela precisava encontrar uma forma de sustentar a sua família.

A participação feminina ganhou mais força nos últimos 50 anos. Em 2017 as mulheres representavam 44% das vagas no mercado de trabalho formal.

Você pode estar se perguntando: qual a relação desses dados com o mercado de estética? As mulheres gastam, em média, 30% do seu salário com serviços de beleza e estética.

Ainda resta alguma dúvida de que o mercado de estética é feito para mulheres e por mulheres?

Conheça os nomes que inventaram e revolucionaram o mercado de estética.

A invenção do mercado de estética e beleza

No início do século 20, uma jovem viajava da Europa para Austrália para fugir de um casamento arranjado. Na sua mala, além de esperanças, tinham alguns potinhos com uma mistura mágica que sua mãe fazia para que ela pudesse proteger a sua pele do frio.

Essa jovem se chamava Helena Rubinstein e logo as australianas ficaram encantadas com a sua pele, de tão macia que era. Ela vendeu alguns dos potinhos que levara e logo seu estoque acabou, por isso resolveu encomendar mais para a sua mãe. Só havia um problema, naquela época, uma viagem entre a Europa e a Oceania levaria, no mínimo, três meses e ela não poderia deixar seus clientes esperando. Foi quando Helena resolveu fabricar os seus produtos.

Você com certeza já ouviu falar em influenciadoras, pessoas que as marcas contratam para falar de seus produtos. O que você não sabe é que, em 1908, Helena Rubinstein já trabalhava com influenciadoras: ela enviava amostras de seus produtos para as jornalistas da época.

Helena criou seu próprio instituto de beleza e, junto com ele, criou também a profissão de esteticista.

O que você pode aprender com essa história? Tenha iniciativa, mesmo quando tudo parece não dar certo, acredite no seu produto e divulgue-o e faça parcerias que sejam relevantes para o seu negócio.

Caso você queira saber mais sobre a história de Helena Rubinstein, leia o livro “A Mulher que Inventou a Beleza”

Madam C J Walker e o mercado de estética

Sarah Breedlove era o seu nome, negra, filha de pais escravos, viveu sua juventude nos Estados Unidos do século XX, suas condições de higiene eram precárias, por isso convivia com inflamações no couro cabeludo, que fizeram com que ela perdesse seu cabelo e o seu primeiro marido, sendo abandonada.

Nesta época, Sarah lavava roupa para ganhar a vida e uma de suas clientes possuía uma linha de cosméticos feita para mulheres negras. Ela começou a passar o produto no couro cabeludo de Sarah, que rapidamente recuperou seus fios e a sua autoestima. Só existia um problema, ela queria contar sua história para outras mulheres, pois percebeu que esse problema atingia mais mulheres negras, mas a dona da marca não permitiu que ela o fizesse.

Ela estudou e desenvolveu seu próprio produto e já não se chamava mais Sarah, agora seu nome era Madam C J Walker, ela também não se contentou em vender apenas um produto para cabelos afro, mas sim um estilo de vida para mulheres negras. Ao longo de sua vida conseguiu tirar mais de 40 mil mulheres negras da pobreza.

Madam C J Walker ensina que é preciso se conectar com os seus clientes, empreender é muito mais do que vender um produto ou um serviço, mas entender a história do seu cliente e descobrir como você pode ajudá-lo.

Quer conhecer um pouco mais sobre a vida da Madam C J Walker? Assista à minissérie “Vida e História de Madam C J Walker” no Netflix.

As mulheres e o mercado de estética no Brasil

Você já ouviu falar sobre Anne Marie Klotz? Anne, filha de franceses, nascida no Brasil, precisou voltar para a França ainda em sua infância, por lá fez alguns cursos de estética. Já casada, retornou ao Brasil e resolveu atender algumas amigas em seu apartamento, logo sua casa havia ficado pequena para tantos atendimentos.

Abriu sua clínica em Copacabana, no Rio de Janeiro, que logo virou um instituto de ensino com registro oficial dos Ministérios da Saúde e da Educação, é considerada a primeira profissional de estética do país, também lançou uma das primeiras linhas de cosméticos do Brasil e estruturou a primeira fábrica de equipamentos nacional.

Janine Goossens foi mais uma francesa que fez história no mercado de estética brasileiro. Chegou no país em 1957 para trabalhar num salão de beleza como esteticista, profissão que era rara na época. Rapidamente ganhou destaque por seu trabalho e abriu seu próprio espaço com seu marido, hoje em dia eles possuem cerca de 70 franquias de seu salão espalhadas pelo Brasil.

Compartilhe o seu conhecimento, você sempre terá o que ensinar e o que aprender, não sinta, nem por um minuto que você não pode fazer qualquer uma dessas duas coisas.

Mulher, você é a nossa inspiração!

Não é fácil ser mulher, empreendedora, mas a Adoxy foi pensada para você.

A cada tecnologia desenvolvida, o primeiro pensamento é sempre: como isso pode ajudar o nosso cliente a melhorar os seus resultados, aumentar o faturamento do seu negócio e ajudar os seus pacientes a encontrarem a melhor versão deles? 

O mercado de estética é feito para mulheres e por mulheres, por isso nossa presidência é ocupada por uma mulher, não apenas por ela ser mulher, mas porque ela entende o mercado e te entende também.

Conte com as plataformas da Adoxy para escrever o seu nome no mercado de estética.

LEIA MAIS

conheça as vantagens de contar com um aparelho de ultracavitação

O Que é e Para

O aparelho de ultracavitação é um ultrassom de baixa frequência...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba todas as novidades
da Adoxy no seu e-mail