O que é criolipólise de placas? Conheça o método de aplicação

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp

O que é criolipólise de placas? Você sabe?
Com a internet, cada vez mais os pacientes já chegam nas clínicas sabendo qual tratamento querem fazer, ou pelo menos, com uma ideia do que podem fazer.
A paciente chega no dia da avaliação para um procedimento de criolipólise e você observa que é impossível realizar o tratamento, pois ela não possui o acúmulo necessário de gordura para a criolipólise de sucção. O que fazer?
A criolipólise é uma técnica padrão ouro para a redução de gordura localizada. O procedimento é muito procurado nas clínicas de estética, mas quando a paciente não é indicada para a criolipólise convencional o que você faz? Apresenta outras abordagens terapêuticas para solucionar o problema?
Leia o post completo e entenda como você pode atender pacientes com pouco acúmulo de gordura com a criolipólise de placas e como aumentar o ticket médio do seu negócio com esse método.
Vem com a gente!

O que é criolipólise de placas?

Afinal, o que é criolipólise de placas?
Apesar da criolipólise de sucção ser mais comum nas clínicas de estética, o primeiro estudo feito sobre a tecnologia foi realizado através de um aplicador plano.
A criolipólise de placas nada mais é do que uma ponteira plana, na qual a célula de congelamento ocupa toda a área da placa que entra em contato com a pele do paciente. Não exercendo a pressão negativa que os manípulos convencionais exercem no tecido.
Apesar do que muitos falam, a criolipólise de placas é um método que possui resultados excelentes, seu embasamento científico foi comprovado no primeiro artigo sobre criolipólise do mundo.
Por ser um manípulo sem sucção, pode ser realizado em diferentes áreas de difícil acoplamento, permitindo maior diversidade na abordagem clínica.

O tempo de aplicação é o mesmo da criolipólise de sucção?

O tempo vai depender do protocolo utilizado pelo profissional aplicador, porém o indicado é em média de 45 minutos a 1 hora para que a técnica tenha o efeito desejado.

 É preciso utilizar manta anticongelante na criolipólise de placas?

Sim! Assim como na criolipólise de sucção, é preciso utilizar a manta anticongelante para proteger a pele do paciente de possíveis intercorrências, como queimaduras.
É importante lembrar que as baixas temperaturas podem causar queimaduras pelo frio.
A Adoxy, enquanto fabricante de equipamentos eletromédicos, recomenda a utilização das mantas anticongelantes Ice Care e Protecta Crio.

Por que investir num manípulo de criolipólise de placas?

Porque você aumenta a possibilidade de atendimento para os seus clientes. Aquela paciente que tem um pequeno acúmulo de gordura no abdômen, por exemplo, não é indicada para um manípulo de criolipólise de sucção. Com a criolipólise de placas isso é possível, aumentando o ticket médio dos seus tratamentos. Além de ser mais indicada para áreas sensíveis e evitar o surgimento de equimose.

Como aumentar o seu faturamento com a criolipólise de placas

Em primeiro lugar é sempre bom lembrar que a criolipólise não é um procedimento de apenas um atendimento ou de uma região. Hoje em dia, com a diversidade de manípulos, é possível promover uma remodelação corporal completa para o seu paciente.
Por exemplo, com a plataforma de criolipólise Asgard VC10 você consegue atender até 4 regiões simultaneamente, porém nem todos os seus pacientes terão 4 regiões a serem tratadas com grande acúmulo de gordura, sendo assim você pode oferecer um tratamento incluindo a criolipólise de placas.
Tenha sempre em mente que tempo é dinheiro e otimizar o seu tempo para ter maior rendimento financeiro, e o tempo do seu cliente para que ele tenha resultados impactantes, coloca qualquer diferencial do seu concorrente para trás.
Acesse o nosso blog para mais materiais como este.

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba todas as novidades
da Adoxy no seu e-mail