O que causa estrias? Veja como prevenir e eliminar!

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp

Estrias podem não ser perigosas, mas são um dos maiores pesadelos femininos, afetando autoestima e qualidade de vida. Acometendo pequenas ou extensas áreas, podem ser difíceis de esconder – e o que causa estrias?

Há muitos fatores diferentes que levam a isso: gravidez, má alimentação, corticoides, pílulas e síndromes. Contudo, há também tratamento para estrias disponível de maneira fácil.

E como tirar ou prevenir estrias? Prossiga com a leitura e descubra tudo que precisa saber!

Afinal, o que causa estrias?

“Apesar de não ser um acontecimento doloroso, o surgimento de diferentes tipos de estrias é um adversário para um corpo mais bonito e bem cuidado.”

Basicamente, estrias são faixas de linhas paralelas que surgem na pele, podendo ser vermelhas, brancas, roxas, rosadas etc. Ao toque, são como uma pequena saliência ou recuo.

Elas costumam surgir durante ou após a gravidez ou depois de uma mudança repentina no peso. É um efeito que aparece principalmente em mulheres e/ou adolescentes devido ao crescimento muito rápido.

As estrias doem?

Bem, no geral, estrias não são perigosas, no entanto, raramente costumam desaparecer com o tempo. Há vezes em que causam coceira e dor ao tocar na pele.

Além disso, há a queda na autoestima e qualidade de vida pelo fator estético que é afetado. Para se sentir bem com essa situação, é possível contar com tratamento para estrias e prevenção.

Quais são os sintomas que denunciam as estrias?

Estrias iniciais são lesões lineares rosadas ou da cor da pele, que podem ser aprofundadas ou discretamente elevadas. Em fase tardia, se tornam estrias brancas de diferentes espessuras e larguras.

É possível ter:

  • Estrias na barriga;
  • Estrias no braço;
  • Estrias nas nádegas e coxas;
  • Estrias no abdômen;
  • Estrias nas costas.

As lesões costumam surgir após distensão excessiva ou abrupta da pele, o que leva a inflamação e, depois, ao rompimento das fibras elásticas e colágenas. As causas para isso costumam ser:

  • Gravidez;
  • Efeito sanfona pelo ganho ou perda de peso rapidamente;
  • Alimentação (frituras, doces, carboidratos refinados, álcool, refrigerante, alimentos processados etc);
  • Crescimento rápido na adolescência;
  • Cremes, loções e pílulas de corticosteróides que diminuem a capacidade elástica da pele;
  • Aplicação de implantes mamários.

Quais são as chances de desenvolver estrias?

Depende do grupo do qual faz parte. Há uma tendência maior de desenvolver estrias em:

  • Mulheres;
  • Pessoas com histórico familiar;
  • Pessoas acima do peso;
  • Caucasianos de pele pálida;
  • Grávidas com filhos grandes ou gêmeos.

Para não precisar de tratamento para estrias, você pode mudar seu estilo de vida para preveni-las. Confira algumas dicas!

Retire alimentos que causam estrias do cardápio

Retire de seu cardápio alimentos que aumentem a quantidade de gordura, promovam retenção de líquido e desregulem sua flora intestinal. Isso inclui:

  • Frituras e doces;
  • Alimentos com excesso de sódio (enlatados embutidos, caldos de carne, temperos prontos, macarrões instantâneos, refrigerantes);
  • Carboidratos refinados;
  • Álcool;
  • Alimentos processados.

Ao invés disso, invista em alimentos como laranja, batata-doce, cenoura, tomate, melão, banana, feijão, sucos, legumes, amêndoas, gérmen de trigo, etc. Outra dica é incluir a carne vermelha, fundamental para o bom colágeno no organismo.

Hidrate a sua pele

Duas vezes por dia você deve hidratar sua pele com bons hidratantes. Outra dica é usar óleos à base de semente de uva, macadâmia, amêndoas e rosa, por exemplo, para formar uma barreira na pele. É importante que conte com um profissional capacitado para te indicar os melhores produtos.

Beba boa quantidade de água

A água contribui para um corpo e pele mais hidratados, o que evita as rupturas no tecido que, consequentemente, levam às estrias. Por isso, beba pelo menos 2L de água por dia.

Busque não ficar oscilando de peso

O emagrecimento ou engordamento abrupto são péssimos para as estrias, pois causam o efeito sanfona. Caso sua situação seja gravidez, busque cremes adaptados para massagear a barriga e mantenha uma alimentação saudável.

Prática de atividade física

Justamente para evitar variações bruscas na balança, que favorecem o aparecimento das estrias, como explicamos acima!

Como tirar estrias: é possível?

Se, mesmo com esses cuidados, você não conseguir eliminar as estrias, a estética de alto impacto pode ser a solução! O Andrus Criofrequência, por exemplo, é um dos tratamentos indicados para as estrias, promovendo uma melhora geral no aspecto da pele. Além disso, essa tecnologia também pode ser usada para prevenir o seu surgimento!

Conclusão

Se manter com uma boa aparência é uma questão válida e que deve ser buscada sem vergonha ou medo. Estrias podem ser removidas ou até amenizadas, lhe evitando uma baixa autoestima e má qualidade de vida.

Sabendo o que causa estrias, você é agora capaz de tratar ativamente da manutenção de sua pele!

Tem dúvidas? Faça sua pergunta no Instagram da Adoxy!

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba todas as novidades
da Adoxy no seu e-mail